O Sete Artes agora é site!

O Sete Artes agora é site!
Clique na imagem para acessar notícias sobre artes visuais

MODA PARA TODOS CAMPANHA 2014 O Seu Preconceito é da cor que VOCÊ pinta

O conceito pensado pela G+ Models foi clicado pela fotógrafa Carol Beiriz, em Santa Tereza. Considerada uma das melhores fotógrafas da atualidade, do mercado da moda e das artes em geral, Carol tem em seu currículo grandes trabalhos e, aceitou fazer as fotos da campanha deste ano.
DESPRECONCEITUAR é a palavra de ordem para a campanha 2014 Moda Para Todos. Com o slogan: “ O Seu preconceito é da cor que VOCÊ pinta”, queremos abordar a inclusão na moda, a padronização da grade de tamanhos das marcas e estilistas da moda tradicional. Nossa luta é para padronizarmos e incluirmos as modelos Plus Size na moda padrão, mas, não só as Plus: As pessoas fortes, altas, muito magras, cadeirantes, “ The real people”.

Desde o início de 2012 a G+ Models, a maior agência de modelos Plus Size da América Latina, situada no Rio de Janeiro, vem quebrando paradigmas e tabus para a inclusão de modelos Plus nas passarelas brasileiras de moda, trabalhando o preconceito dentro da MODA.

“A campanha vem para somar a todos nós, valores únicos, nos fazendo pensar em dizer NÃO AO PRECONCEITO, DESPRECONCEITUAR” – Diz Karine Braune, diretora da G+ Models.

O preconceito é uma palavra de significado forte e, a campanha vem para desmitificar e colorir o DESPRECONCEITO. Todos nós, sem exceção, carregamos o preconceito todos os dias, seja nas críticas que pregamos a outras pessoas ou a nós mesmos, está ali, enraizado. Independentemente da sua cor, seu peso, sua altura, sua religião e sua postura durante a vida inteira.

A G+ seguiu o molde das campanhas da Benetton, pois sempre foram bastante significativas e com apelos sociais importantes.

Não se preocupar com a opinião dos outros é uma dica que a sócia e diretora
de comunicação, Sylvia Braune, dá as aspirantes a modelo.

Uma moda voltada para as necessidades dos manequins acima de 40.


A iniciativa aparece em momento oportuno, já que o mercado Plus cresce e
corre em paralelo ao da magreza excessiva das modelos. Ossos em evidência
e braços mais finos do que os aceitáveis chamaram a atenção de jornalistas, que
tocaram no assunto e retomaram a importante polêmica nos estados como São
Paulo e Florianópolis.

A autonomia no vestir, gera uma autoestima, respeito a diversidade, respeito às várias formas de enxergar, de caminhar, de ouvir, de sentir! Que a moda nos permita incluir em suas marcas mais famosas modelos acima
de 40 para mostrar, dentro da inclusão, o que é bonito também de se ver na
passarela e o quanto as vendas aumentariam diante do novo segmento dentro
da moda.

Porquê dessa campanha?

Quando falamos em moda, falamos em linguagem da imagem. Uma assinatura

daquilo que somos, ou a que viemos.

Essa linguagem deve ser permitida a todos: altos, baixos, brancos, negros, adultos, crianças, idosos, magérrimos ou não, as gordinhas, cheinhas, corpo
pêra, corpo violão e por aí vai.

Texto: G+ Models


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivo

Mais populares

Popular na semana