Pular para o conteúdo principal

Rabanada Carioca apresenta versões do tradicional doce natalino

Restaurantes situados na Glória, Flamengo, Catete e Laranjeiras, que integram o Polo Rio Carioca, irão homenagear uma tradicional iguaria da mesa dos cariocas nas festas de Natal, a rabanada. De 12 a 29 de dezembro, acontece o Festival Rabanada Carioca, que terá versões: com sorvete, em forma de sanduíche, com molho zabaione, com molho de vinho, assada no forno à lenha, ou selada na manteiga, ou num revival da banana split, ou ainda com tartar de manga e mel de engenho.

A rabanada é uma famosa iguaria que atende por vários nomes e está em muitos países. Na França, ela é o "pain perdu"; na Espanha "torreja"; na Inglaterra atende por "egg bread"; nos Estados Unidos é a "french toast"; no Chile "tostadas francesas" e em Portugal "fatia-de-mulher-parida", ou simplesmente "rabanada", nosso similar mais próximo.

Mas como cidadã do mundo, a rabanada encontra citações ainda mais longínquas. No livro De Re Coquinaria, entre as receitas atribuídas ao gastrônomo romano Marcus Gavius (Apicius), que viveu no século I DC, uma delas já ensinava a imergir fatias de pão em leite e ovos e, a seguir, fritá-las profundamente em óleo. Apicius sugeria servi-las cobertas de mel, mas ao redor do mundo ela tem muitas variações, como trocar o leite por vinho, como é feito na região do Minho, em Portugal, ou imergir em leite de coco, como no Nordeste do Brasil, ou ainda usar sumo e raspas de frutas para aromatizar o leite, como é usual em Honduras.

Em todas, porém, o prazer de poder se reunir à mesa com a família e os amigos, para apreciar esse doce e finalmente constatar: até a rabanada já é carioca.

O Polo
O Polo Rio Carioca é uma associação de empresários da região da Glória, Flamengo, Catete e Laranjeiras, criado pelo Decreto nº 35.338, e integra o programa Polos do Rio, da Prefeitura municipal. O sistema é administrado pela Secretaria Especial de Desenvolvimento Econômico Solidário e conta com uma governança da qual participam ainda Sebrae, SindRio, Associação Comercial e Caixa Econômica Federal. O Polo Rio Carioca conta ainda com o apoio do Museu da República.

Estabelecimentos participantes do Festival Rabanada Carioca
Alecrim
Rabanada split (Num recipiente tipo banana split, uma fatia de rabanada quente, no meio uma bola de sorvete napolitano, cobertura de calda de chocolate e morango, salpicado de amendoim e biscoito palito de chocolate) - R$18
Rua Bento Lisboa, 120 - Loja A | Catete / 2245-8054

Brasserie Ameno
Brioche em rabanada française (Brioche francês selado na manteiga com sorvete de baunilha, com castanha torrada) - R$15
Rua Bento Lisboa, 4 | Catete / 3495-2665

Botero Bar
Rabanada Botero (Rabanadas grelhadas servidas com manteiga de manga e sorvete cobertas de tartar de manga e hortelã e mel de engenho) - R$18
Rua das Laranjeiras, 90 - Boxes 11-13 (Mercadinho São José) | Laranjeiras / 3235-6314

Restaurante Carmelo
Tiramissu com geleia de café (Pão de rabanada, com ovos batidos, leite e vinho do Porto, café e folha de hortelã) - R$14,90
Rua Correa Dutra, 75 | Flamengo / 2225-1890

Confeitaria Itajaí
Rabanada de vinho tinto com especiarias (Rabanada ao vinho tinto, com especiarias ao toque de gengibre) - R$36,90/kg
Rua das Laranjeiras, 76 - Loja A | Laranjeiras / 2205-2599

Luigis

Rabanada Alla Luigi (Rabanada tradicional, ao forno a lenha e acompanhada de zabaione) - R$14
Rua Senador Correa, 10 | Laranjeiras / 2205-7343

Mistura Casual
Rabanada recheada com sorvete (Duas fatias de rabanada, formando um sanduíche, recheado com sorvete, calda de morango, calda de chocolate, morango fruta, castanha picada e vinho opcional) – R$10
Rua Conde de Baependi, 78 - Loja 28 | Laranjeiras / 2556-5804

Severyna
Rabanada arretada (Rabanadas embebidas em leite, leite de coco e ovos, fritas e torradas com mistura de açúcar de coco e queijo coalho ralados) – R$5
Rua Ipiranga, 54 | Laranjeiras / 2556-9398

Texto: Assessoria de Imprensa


Cursos Online na Área de Informática
Cursos Online 24 Horas




Saiba mais sobre Chandra Santos: http://bit.ly/1bifsNS 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

A origem do Modernismo brasileiro, por chandra santos

"Abaporu": obra deu origem ao Movimento Antropofágico
Imagem: Tarsila do Amaral
As ideias surrealistas vieram para o Brasil na década de 1930 e foram absorvidas pelo movimento Modernista. A pintora Tarsila do Amaral e o escritor Ismael Nery foram os mais influenciados. Além deles, a escultora Maria Martins, o pintor pernambucano Cícero Dias, o poeta Murilo Mendes e os escritores Aníbal Machado e Mário Pedrosa também acrescentaram elementos surreais em suas obras.
A Semana de 22 foi o ápice do movimento Modernista no Brasil. Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Víctor Brecheret, Plínio Salgado, Anita Malfatti, Menotti Del Pichia, Guilherme de Almeida, Sérgio Milliet, Heitor Villa-Lobos e Tarsila do Amaral são algumas das personalidades que estiveram presentes no evento ocorrido nos dias 13, 15 e 17 de fevereiro no Teatro Municipal de São Paulo. Considerada um marco na arte brasileira, por propor a ruptura com o passado, a Semana de 22 revolucionou a Literatura, a música, a pin…

"A Aventura Surrealista", por chandra santos

Já está à venda o livro "A Aventura Surrealista" , do ensaísta e artista plástico Sergio Lima. A obra conta a história e a influência do surrealismo na arte moderna brasileira, entre 1901 e 1920.
Quem se interessou pelo tema, pode adquirir a publicação anterior, de 1995, que aborda as vertentes formadoras do movimento surrealista. O artista pretende lançar mais duas obras: uma sobre os anos 1921-30 e outra com antologia do surrealismo no Brasil.

Imagem: Reprodução de Internet




Feliz Dia do Amigo

O Sete Artes deseja a todos um Feliz Dia do Amigo!!!!






 (Clique para ampliar)
Saiba a origem da data aqui.

Siga @chandrasantos no Twitter e retuíte frases de amizade para os seus amigos!
Imagem: Autoria Desconhecida





Curiosidades

O que são Belas Artes?
por chandra santos
Definir arte é uma tarefa complexa, que varia de acordo com as transformações culturais e o contexto histórico. Segundo o filósofo Charles S. Peirce, fundador da Semiótica, a principal função das artes é expressar os estados de consciência humana. Partindo dessa definição, terapeutas e psicólogos passaram a usá-las como parte de tratamentos. A psiquiatra brasileira Nise da Silveira fundou o "Museu de Imagens do Inconsciente" com obras feitas por seus pacientes durante a terapia ocupacional.

São consideradas Belas Artes: Arquitetura; Pintura; Escultura; Música; Literatura; Teatro e Dança; e Cinema. A divisão e o termo foram criados pelas academias de arte europeias, no século XVII, com o objetivo de separar as artes em duas classificações. Segundo artigo publicado na Wikipédia, eram consideradas, até o século XIX, como artes "superiores" as Belas Artes e como artes "inferiores' as Artes Aplicadas.

"As belas arte…

Programação/ Artes Visuais (SP)

Exposição PARAISO na Galeria André

Entre os dias 16/08 e 11/09, a Galeria André recebe a mostra PARAISO, inciando um novo ciclo do centro cultural. Participam da mostra André Crespo, Clarice Gonçalves, Eduardo Kobra, João César de Melo, Luiza Ritter, Marco Stellato, Paulo Queiróz, Rafael Resaffi e Rodrigo Cunha. A mostra tem curadoria de Sônia Skroski.
De acordo com release recebido pelo Sete Artes: "Artistas novos foram procurados com empenho, indicações, visitas aos ateliers, análise de obras, um verdadeiro garimpo. E desta procura foram selecionados 9 artistas que farão parte da exposição PARAISO. O tema abrange além do que nossa imaginação pode chegar. Os artistas vão expor obras inéditas, criadas especialmente para a mostra. A escolha dos artistas demonstra jovialidade das obras e dos artistas. O tema foi escolhido para proporcionar aos artistas uma performance peculiar e densa dentro do universo de cada um."
Conheça: texto: Assessoria de Imprensa da Galeria André
André Cresp…