Pular para o conteúdo principal

PRODUTOR JORGE ELALI COMEMORA 30 ANOS DE IDADE E 10 ANOS DE PRODUÇÃO COM FESTA NO RIO

Duzentas pessoas entre artistas, empresários e produtores do Brasil (Brasília, Fortaleza, Natal, Rio, Salvador, São Paulo e Vitória) e até do exterior (Abu Dhabi) foram convidados para comemorar os 10 anos da Jorge Elali Produções, que já levou 45 espetáculos e peças teatrais a mais de 110 mil pessoas em vários estados brasileiros. O ator e produtor potiguar Jorge Elali – que faz 30 anos - comemora os resultados no próximo dia 15, com uma super festa no belo clube Costa Brava (R. Sargento José da Silva, 321, Joá), Barra da Tijuca. Ele é considerado pela classe artística como um “especialista em turnês”. “Tenho prazer em ajudar a difundir cultura, levando oportunidades ao público fora do eixo Rio-São Paulo de assistir teatro. Isto abre novos horizontes. É possível passarmos até três anos percorrendo o Brasil todo com um mesmo espetáculo, o Brasil é enorme”, resume.

Toda a decoração, incluindo bolo e docinhos, vai ter como tema o teatro. Cartazes e fotos das produções não faltarão. Haverá um pocket show de Alessandra Maestrini, acompanhada pelo maestro João Carlos Coutinho. A atriz mostra que também é boa como cantora. Produzida por Elali, ela lançou seu primeiro CD em 2012 e viaja desde o ano passado em turnê. Depois, Marina Elali entra em cena para colocar todos para dançar com um repertório bem animado com músicas de sucesso brasileiras e estrangeiras. Por último, DJ para completar a festa.

Atualmente, Jorge Elali está com duas produções em turnê: a peça "Eu te amo" de Arnaldo Jabor com os atores Juliana Martins e Sergio Marone e "Drama’n Jazz" da cantora e atriz Alessandra Maestrini. Em abril, Lilia Cabral encena "Maria do Caritó", em Natal-RN. Em maio: duas estreias programadas também em Natal-RN: Ingrid Guimarães e Marcelo Faria em "Razões para ser Bonita" e Vladimir Brichta e Marcelo Flores com "Arte". Vale destacar outros sucessos do produtor: Eu te Amo (Alexandre Borges e Juliana Martins), Falando a Veras (Marcos Veras), Cócegas (Ingrid Guimarães e Heloísa Périssé) e a Cia de Comédia Os Melhores do Mundo. 

Jorge Elali planeja voltar aos palcos cariocas com Eu Te Amo e estrear ainda este ano sua primeira produção no Rio de Janeiro, cidade onde mora há 12 anos.

Texto: Assessoria de Imprensa

Saiba mais sobre Chandra Santos: http://bit.ly/1bifsNS 

Visite minha lojinha!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

A origem do Modernismo brasileiro, por chandra santos

"Abaporu": obra deu origem ao Movimento Antropofágico
Imagem: Tarsila do Amaral
As ideias surrealistas vieram para o Brasil na década de 1930 e foram absorvidas pelo movimento Modernista. A pintora Tarsila do Amaral e o escritor Ismael Nery foram os mais influenciados. Além deles, a escultora Maria Martins, o pintor pernambucano Cícero Dias, o poeta Murilo Mendes e os escritores Aníbal Machado e Mário Pedrosa também acrescentaram elementos surreais em suas obras.
A Semana de 22 foi o ápice do movimento Modernista no Brasil. Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Víctor Brecheret, Plínio Salgado, Anita Malfatti, Menotti Del Pichia, Guilherme de Almeida, Sérgio Milliet, Heitor Villa-Lobos e Tarsila do Amaral são algumas das personalidades que estiveram presentes no evento ocorrido nos dias 13, 15 e 17 de fevereiro no Teatro Municipal de São Paulo. Considerada um marco na arte brasileira, por propor a ruptura com o passado, a Semana de 22 revolucionou a Literatura, a música, a pin…

"A Aventura Surrealista", por chandra santos

Já está à venda o livro "A Aventura Surrealista" , do ensaísta e artista plástico Sergio Lima. A obra conta a história e a influência do surrealismo na arte moderna brasileira, entre 1901 e 1920.
Quem se interessou pelo tema, pode adquirir a publicação anterior, de 1995, que aborda as vertentes formadoras do movimento surrealista. O artista pretende lançar mais duas obras: uma sobre os anos 1921-30 e outra com antologia do surrealismo no Brasil.

Imagem: Reprodução de Internet




Feliz Dia do Amigo

O Sete Artes deseja a todos um Feliz Dia do Amigo!!!!






 (Clique para ampliar)
Saiba a origem da data aqui.

Siga @chandrasantos no Twitter e retuíte frases de amizade para os seus amigos!
Imagem: Autoria Desconhecida





Curiosidades

O que são Belas Artes?
por chandra santos
Definir arte é uma tarefa complexa, que varia de acordo com as transformações culturais e o contexto histórico. Segundo o filósofo Charles S. Peirce, fundador da Semiótica, a principal função das artes é expressar os estados de consciência humana. Partindo dessa definição, terapeutas e psicólogos passaram a usá-las como parte de tratamentos. A psiquiatra brasileira Nise da Silveira fundou o "Museu de Imagens do Inconsciente" com obras feitas por seus pacientes durante a terapia ocupacional.

São consideradas Belas Artes: Arquitetura; Pintura; Escultura; Música; Literatura; Teatro e Dança; e Cinema. A divisão e o termo foram criados pelas academias de arte europeias, no século XVII, com o objetivo de separar as artes em duas classificações. Segundo artigo publicado na Wikipédia, eram consideradas, até o século XIX, como artes "superiores" as Belas Artes e como artes "inferiores' as Artes Aplicadas.

"As belas arte…

Programação/ Artes Visuais (SP)

Exposição PARAISO na Galeria André

Entre os dias 16/08 e 11/09, a Galeria André recebe a mostra PARAISO, inciando um novo ciclo do centro cultural. Participam da mostra André Crespo, Clarice Gonçalves, Eduardo Kobra, João César de Melo, Luiza Ritter, Marco Stellato, Paulo Queiróz, Rafael Resaffi e Rodrigo Cunha. A mostra tem curadoria de Sônia Skroski.
De acordo com release recebido pelo Sete Artes: "Artistas novos foram procurados com empenho, indicações, visitas aos ateliers, análise de obras, um verdadeiro garimpo. E desta procura foram selecionados 9 artistas que farão parte da exposição PARAISO. O tema abrange além do que nossa imaginação pode chegar. Os artistas vão expor obras inéditas, criadas especialmente para a mostra. A escolha dos artistas demonstra jovialidade das obras e dos artistas. O tema foi escolhido para proporcionar aos artistas uma performance peculiar e densa dentro do universo de cada um."
Conheça: texto: Assessoria de Imprensa da Galeria André
André Cresp…