Todos os posts

Mul.ti.plo abre mostra de Manfredo de Souzanetto no Vale das Videiras

Uma das propostas da Mul.ti.plo Espaço Arte, galeria carioca de arte contemporânea situada no Leblon, é não ficar restrita às suas paredes. Desta vez, o rumo é a Região Serrana do Rio: a partir de 18 de novembro, em parceria com a Galeria A2 + Mul.ti.plo, leva para o Vale das Videiras a obra de Manfredo de Souzanetto, considerado como um dos artistas mais destacados e criativos desde sua primeira individual realizada em Belo Horizonte, em 1974. Serão apresentados ao todo 15 trabalhos, entre eles, 14 da série dos “Tacapes” (madeira, cobre e pintura), realizados entre os anos de 1997 e 2016, e uma pintura recente (pigmentos e resina acrílica sobre tela e madeira), de 2017.

A obra de Manfredo de Souzanetto se desenvolve como um jogo de virtualidade e concretude, onde muitas vezes a moldura ultrapassa o limite da pintura e o suporte se fragmenta, refletindo a busca de novas possibilidades.  Manfredo se utiliza de materiais diversos, como madeira, cobre, pigmentos de terra e resina acrílica. Com eles constrói composições abstratas e geométricas de grande densidade visual; são obras em que a pintura é um dos elementos constituintes e que procuram atuar no espaço real, buscando a tridimensionalidade. O artista produz os pigmentos, tirados de minérios das Minas Gerais, responsáveis por seus únicos e incontestáveis tons de rosas, ocres, vermelhos, amarelos e cinzas.

“Longe de significar o que o nome poderia sugerir, os Tacapes de Manfredo desarmam, com sua pintura tão singular, as expectativas tão em moda de uma espetacularização da pintura. Ao contrário, há em cada um desses Tacapes uma dimensão de leveza e poesia, ambas guardadas pela chave do silêncio de sua paleta”, afirma Maneco Müller, consultor de arte da Mul.ti.plo.

A galeria A2 + Mul.ti.plo fica no Armazém das Videiras - Estrada Almirante Paulo Meira 8400, loja 5, Petrópolis.
SERVIÇO:


Exposição individual Manfredo de Souzanetto

Abertura: sábado, 18 de novembro, às 17h.

Galeria A2 + Mul.ti.plo: Armazém das Videiras - Estrada Almirante Paulo Meira 8400, loja 5, Petrópolis. Telefone: (24) 2225-8753.

De 19 de novembro a 14 de janeiro. Sextas, das 19h às 22h, sábados, das 11h às 16h e das 19h às 22h e domingos, das 11h às 16h.



Sobre Manfredo de Souzanetto:

Pintor, desenhista e escultor, Manfredo de Souzanetto nasceu na pequena Jacinto (MG), em 1947, e atualmente vive e trabalha no Rio de Janeiro. Começa a estudar desenho aos 16 anos. Em 1967, muda-se para Belo Horizonte e ingressa na Escola Guignard em 1969. Estuda arquitetura na Universidade Federal de Minas Gerais de 1972 a 1975. Em 1974, expõe no 5° Salão de Arte Universitária, em Belo Horizonte, e recebe como prêmio uma bolsa para estudar na França. Mora em Paris entre 1975 e 1979 e freqüenta a École Nationale Louis Lumière, onde estuda fotografia, e a École Nationale Supérieure des Beaux Arts. Em Paris, descobre a pintura abstrata americana, o construtivismo russo e tem contato com o trabalho do grupo Suporte-Superfície. Retorna ao Brasil em 1980 e passa a viver no Rio de Janeiro. No ano seguinte, ingressa na Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde conclui o curso de gravura. Nessa década, começa a trabalhar com telas e madeiras recortadas em formas geométricas, nas quais aplica pigmentos obtidos de amostras de terra coletadas em Minas Gerais. No fim dos anos 90, o significado de sua obra é ampliado pela utilização de materiais não pictóricos cujo objetivo é falar de cor, matéria e textura, vocabulário por excelência do fazer pictural, retirando da pintura seu caráter de superfície colorida. Em sua carreira, já participou de mais de 50 exposições, entre elas a 12ª Bienal Internacional de São Paulo, na década de 70, coletivas no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro e no Museu de Arte Moderna de São Paulo, na década de 80, e individuais no Museu Nacional de Belas Artes, no Rio de Janeiro, em 2010 e na Fundação Brasilea em Basel, Suíça, em 2013.

Coleções:

Museu de Arte de Belo Horizonte.
Musée de l’Abbaye Sainte-Croix - Les Sables d’Olonne – France.
Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro.
Pinacoteca do Estado de São Paulo.
Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - Coleção Gilberto Chateaubriand.
Museu de Arte Moderna de São Paulo - Sala Paulo Figueiredo.
Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
Museu de Arte Contemporânea de Niterói - Coleção João Satamini - Rio de Janeiro.
Fond National d’Art Contemporain – France.
Instituto Cultural Itaú – São Paulo.
Instituto Moreira Salles – Rio de Janeiro.
Coleção Statoil – Stavanger – Noruega.

Exposições Individuais:
2016 – “Paisagem ainda que” – Paço Imperial – Rio de Janeiro
2015 – Galeria Bergamin – São Paulo.
2015 – Mul.ti.plo Espaço Arte – Rio de Janeiro.
2013 – Stiftung Brasilea – Basilea – Suiça.
2012 – Márcia Barrozo do Amaral Galeria de Arte – Rio de Janeiro.
2010 - Museu Nacional de Belas Artes – Rio de Janeiro.
2009 - Gustavo Rebello Arte – Rio de Janeiro
2009 - l’Espal Centre d’Art – Le Mans – França.
2009 - Galerie Pascal Gabert – Paris – França.
2009 - Quadrum Galeria de Arte – Belo Horizonte
2007 – Kulturtorget – Stavanger – Noruega
2006 - Instituto Moreira Salles – Rio de Janeiro e São Paulo
2006 - “Paisagem da Obra”: Centro Cultural Correios – RJ; Caixa Cultural – Brasília e Palácio das Artes – Belo Horizonte.
2005 - Instituto Moreira Salles – Belo Horizonte e Poços de Caldas.
2005 - Centro Cultural Usiminas – Ipatinga – MG.
2004 - Os amigos da gravura – Museu da Chácara do Céu – Rio de Janeiro.
2001 - “Diálogo” com Marco Tulio Rezende – Centro Cultural Light – Rio de Janeiro.
2001 - “Manfredo de Souzanetto” – Museu Alfredo Andersen – Curitiba.
2000 - Musée National de Porcelaine Adrien-Dubouché - Limoges – France.
2000 - Marilia Razuk Galeria de Arte – São Paulo.
1999 - Coletânea Galeria de Arte - Rio de Janeiro.
1998 - Le 19, Centre Regional d’Art Contemporain - Montbéliard – France.
1998 - Galerie Barsikow – Berlin.
1997 - Galerie Mathieu - Lyon – France.
1996 - Joel Edelstein Arte Contemporânea - Rio de Janeiro.
1996 - Artco Galerie - Leipzig – Germany.
1996 - Jasim Galerie - Düsseldorf – Germany.
1995 - Kolams Distribuidora de Arte - Belo Horizonte.
1995 - Marília Razuk Galeria de Arte - São Paulo.
1995 - Galerie Ruta Correa - Freiburg – Germany.
1994 - Centro de Arte Moderna da Fundação Gulbenkian – Lisboa.
1994 - Módulo Centro Difusor de Arte – Lisboa.
1991 - Galerie Ruta Correa - Freiburg – Germany.
1991 - Galerie Andréas Weiss – Berlin.
1991 - Galeria Suzana Sassoun - São Paulo.
1990 - Galeria Anna Maria Niemeyer - Rio de Janeiro.
1989 - Galeria São Paulo - São Paulo.
1988 - Galerie l’Aire du Verseau – Paris.
1988 - Gesto Gráfico - Belo Horizonte.
1987 - Montesanti Galeria - Rio de Janeiro.
1987 - Montesanti Galeria - São Paulo.
1986 - Galeria São Paulo - São Paulo.
1986 - Espaço Capital Arte Contemporânea – Brasília.
1984 - Galeria César Aché - Rio de Janeiro.
1984 - Galeria Tina Presser - Porto Alegre.
1983 - Paulo Figueiredo Galeria de Arte - São Paulo.
1983 - Sala de Exposições da Universidade Federal de Caxias do Sul.
1983 - Galeria de Arte da UFF – Niterói
1982 - Museu de Arte Moderna - Projeto ABC/Funarte - Rio de Janeiro.
1982 - Galeria César Aché - Rio de Janeiro.
1981 - Sala Miguel Bakun – Curitiba.
1980 - Gravura Brasileira - Rio de Janeiro.
1980 - Projecta Galeria de Arte - São Paulo.
1978 - Galerie la Couvée - Lachassagne – France.
1977 - Cite Internationale des Arts – Paris.
1977 - Galeria Grafitti - Rio de Janeiro.
1977 - Galeria do Instituto Cultural Brasil-Estados Unidos - Belo Horizonte.
1977 - Galeria VASP - São Paulo.
1977 - Galerie Philippe Frégnac – Paris.
1976 - Galerie Debret – Paris.
1976 - Musée de l’Abbaye Sainte-Croix - Les Sables d’Olonne – France.
1975 - Real Galeria de Arte - Rio de Janeiro.
1974 - Galeria do Instituto Cultural Brasil-Estados Unidos - Belo Horizonte.

Exposições Coletivas:
2014 – Dialog: Dolino, Carlos Muniz e Manfredo de Souzanetto - Artmark Galerie – Viena -
-Austria.
2014 – Dialogo Geométrico: Dolino, Carlos Muniz e Manfredo de Souzanetto – Galeria
Matias Brotas – Vitória - ES.
2011 – Linha, Ponto e Círculo – Centro Cultural Borges – Buenos Aires – Argentina.
2011 - Escolha do artista - Galeria Patricia Costa – Rio de Janeiro.
2011 - 2XMINASX2 – Galeria Paulo Darzé – Salvador
2010 – 2xMINASX2 – Matias Brotas Arte Contemporânea – Vitória.
2010 - Lemos de Sá Galeria de Arte – Belo Horizonte.
2010 - Referência Galeria de Arte – Brasília.
2009 – Entre Salões 1969>2000 – Museu de Arte da Pampulha – Belo Horizonte.
2009 - Paisagem Incompleta – Centro Cultural Usiminas – Ipatinga
2009 - Paisagem Incompleta – Palácio das Artes – Belo Horizonte.
2009 - Novas Aquisições – Coleção Gilberto Chateaubriand/MAM – Rio de Janeiro.
2008 – Galerie Beyer – Dresden – Alemanha, com Walter Lima e Mario Cravo Neto.
2007 – Ortodoxos/Heterodoxos – Le 19 Centre Regional d’Art Contemporain – Montbéliard – France
2005 - Arte Brasileira Hoje, Coleção Gilberto Chateaubriand – MAM, Rio de Janeiro.
2005 - Amalgames, l’Art Brésilien Contemporain – Musée de l’Hôtel Dieu – Mantes la Jolie – France.
2003 - “10 X MINAS”, Instituto Cultural Usiminas - Ipatinga; Museu de Arte da Pampulha – Belo Horizonte.
2003 - “Arte em Diálogo: artistas brasileiros e noruegueses” – Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro
2002 - Coleção João Sattamini, Instituto Cultural Tomie Ohtake, São Paulo/São Paulo.
2000 - Galeria Manoel Macedo - Belo Horizonte.
2000 - “Olhar Contemporâneo/Mirar Contemporâneo” Artistas Latino-Americanos – Galeria Fraletti e Rubbo – Curitiba.
2000 - “Identidades” – Instituto Cultural Villa Maurina.
2000 - Coletiva Centro Cultural Candido Mendes, Rio de Janeiro.
1999 - FIAC/99 - Art Latino-Américan - Galeria Marilia Razuk - Paris – France.
1999 - Maison d’Art Contemporain Chaillioux – Fresnes – France.
1998 - No Limite da Forma - ICBRA /Bahnhof Westend – Berlim.
1998 - Vice Versa (com Thomas Schönauer) - Galerie Lekon - Essen-Kettwig – Alemanha.
1998 - Diversidade do Risco - Espaço Cultural Ponteio - Belo Horizonte - Minas Gerais.
1997 - No Limite da Forma - Paço Imperial, Rio de Janeiro - Casa das Rosas, São Paulo - Palácio
das Artes, Belo Horizonte.
1997 - No Limite da Forma - Galeria Marilia Razuk - São Paulo.
1997 - III Seminário Internacional da Gravura - MMAC - Curitiba - Paraná.
1996 - Manfredo de Souzanetto / Máximo Soalheiro - Elms Lesters Painting Rooms – London –
England.
1995 - Workshop / 95: Brasil/Alemanha - Museu de Arte Moderna / Goethe Institut - Rio de Janeiro.
1995 - Rio Mistérios e Fronteiras - Musée d”Art - Pully – Suíça.
1994 - 4 X MINAS - Museu de Arte da Bahia, Salvador.
1994 - Arte Brasil Heute - Europäisches Patentamt - Müchen – Alemanha.
1994 - Brasil Bienal, Arte do Século XX - Bienal de São Paulo.
1993 - Triennale des Amériques - Espace Sculfort - Maubeuge – France.
1993 - Coletiva - Studio Kostel - Paris - France.
1993 - 4 X MINAS - Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro - Palácio das Artes, Belo Horizonte e Museu de Arte de São Paulo (MASP), São Paulo.
1992 - Manfredo de Souzanetto e Marcos Benjamim - Rio de Janeiro, Brasília, Goiânia e Belo
Horizonte.
1992 - Utopias Contemporâneas - Palácio das Artes - Belo Horizonte.
1992 - Exposição Comemorativa 10 Anos - Galeria de Arte UFF - Niterói - Rio de Janeiro.
1992 - Amériques - Centre Lotois d’Art Contemporain - Figeac – France.
1992 - Eco Art - MAM - Rio de Janeiro.
1991 - Frankfurt Art Fair - Galerie Ruta Correa - Frankfurt – Germany.
1990 - Armadilhas Indígenas - Museu de Arte de São Paulo - MASP - São Paulo.
1990 - Junge Kunst aus Brasilien - Friedrich Naumann Stiftung - Bonn – Germany.
1990 - Façades Imaginaires - Laboratoire - Grenoble – France.
1990 - Aspekte Lateinamerikanischer Kunst Heute - Galerie Ruta Correa - Freiburg – Germany.
1990 - Arte Brasileira Contemporânea - Galeria 110 Arte Contemporânea - Rio de Janeiro.
1989 - 20º Panorama da Arte Atual Brasileira - Museu de Arte Moderna - São Paulo.
1989 - 6 x Brasil - Galerie Raue - Bonn – Germany.
1989 - Rio Hoje - Museu de Arte Moderna - Rio de Janeiro.
1988 - UNESCO - 40 Artistes - 40 Ans - 40 Pays - Palais de L’Unesco – Paris.
1988 - Dimensão Planar? - INAP/FUNARTE - Rio de Janeiro.
1988 - Semana de la Cultura Brasileña - Fundación Guayasamin - Quito – Peru.
1988 - Modernidade-Arte Brasileira do Século XX - MAM - São Paulo.
1987 - Rigor e Gesto - Galeria Arte 20 - Rio de Janeiro.
1987 - Território Ocupado - Parque Lage - Rio de Janeiro.
1987 - Modernidade - l’Art Brésilien du Xxème Siècle - Musée d’Art Moderne de la Ville de Paris.
1987 - Ouverture Brésilienne - Credac - Ivry-sur-Seine – France.
1986 - I Mostra Christian Dior de Arte Contemporânea - Pintura/86 - Rio de Janeiro].
1985 - Rio Narciso - Parque Lage - Rio de Janeiro.
1985 - Novos Cariocas - Centro Cultural Cândido Mandes - Rio de Janeiro.
1985 - Pequenos Espaços - GB Arte - Rio de Janeiro.
1985 - Nova Geometria? - Galeria Saramenha - Rio de Janeiro.
1985 - Destaques da Arte Contemporânea Brasileira - Museu de Arte Moderna – São Paulo.
1984 - Geometria 84 - Galeria Paulo Figueiredo - São Paulo.
1984- Retrato e Auto-retrato da Arte Brasileira - Coleção Gilberto Chateaubriand - Museu de
ArteModerna - São Paulo.
1984 - Le Petit Format - Galeria Paulo Figueiredo - São Paulo.
1983 - XVII Bienal Internacional de São Paulo.
1983 - Panorama da Arte Atual Brasileira - Museu de Arte Moderna - São Paulo.
1983 - À Flor da Pele - Centro Empresarial Rio - Rio de Janeiro.
1981 - Foto/Idéia - Museu de Arte Contemporânea - São Paulo.
1981 - Do Moderno ao Contemporâneo - coleção Gilberto Chateaubriand - MAM - Rio de Janeiro.
1980 - The Eclectic Age - Zoma Gallery - New York – USA.
1980 - Desenho Mineiro - Palácio das Artes - Belo Horizonte.
1980 - O Rosto e a Obra - IBEU - Rio de Janeiro.
1979 - Un Support à l’Imaginaire - Galerie Noire – Paris.
1978 - Nouveaux Languages Plastiques - Centre Culturelle de Limoges – France.
1978 - Images / Messages d’Amérique Latine - Villeparisis et Grenoble – France.
1978 - Grands et Jeunes d’Aujourd’hui - Grand Palais – Paris.
1978 - Iª Foire Internationale d’Art Contemporain - Grand Palais – Paris.
1978 - Peintres d’Amérique Latine - Maison de la Culture de Saint Maur – France.
1978 - Travaux sur papier/objets - Centre Culturelle de Villeparisis – France.
1978 - Galeria de Arte e Pesquisa da UFES - Vitória - Espírito Santo.
1978 - Le Tondo de Monet a nous jours - Musée de l’Abbaye Sainte-Croix - Les Sables d’Olonne.
1976 - VIII Festival Internacional de Pintura - Cagnes-sur-Mer – France.
1976 - Formes et Couleurs du Brésil-Paris et Marseille – France.
1976 - Exposition d’Été - FIAP – Paris.
1976 - Das Raízes à Atualidade - Coleção Gilberto Chateaubriand - Belo Horizonte, Brasília, Salvador e Recife.
1976 - Arte / Agora I-Brasil 70 / 75 - Museu de Arte Moderna - Rio de Janeiro.
1976 - Panorama da Arte Atual Brasileira - Desenho - Museu de Arte Moderna - São Paulo.
1975 - XIII Bienal de São Paulo - Sala Brasília - São Paulo.
1975 - Novas Tendências - Paço das Artes - São Paulo.
1975 - Doze Artistas Mineiros - Maison de France - Rio de Janeiro.
1974 - Panorama da Arte Atual Brasileira - Museu de Arte Moderna - São Paulo.
1974 - IX Salão de Campinas - “O Desenho Brasileiro” - Campinas - São Paulo.
1974 - Bienal Nacional - São Paulo.
1973 - XII Bienal Internacional de São Paulo.
1973 - Quatro Desenhistas Mineiros - ICBEU - Belo Horizonte.
1972 - Artist From Minas Gerais - BACI - Washington – USA.
1972 - Galeria Bonfliglioli - Promoção Harry Laus - São Paulo.
1972 - Destaque nas Artes 71 - Palácio das Artes - Belo Horizonte.
1972 - Alguns Aspectos do Desenho Contemporâneo Brasileiro - Coleção Gilberto Chateaubriand IBEU - Rio de Janeiro.
1972 - Quatro Desenhistas - IBEU - Rio de Janeiro.
1972 - Brasil Plástica 72 - Bienal de São Paulo - São Paulo.
1972 - Representação Brasileira - Museu de Sköpje – Macedônia.
1971 - Erótica 71 - Belo Horizonte.
1970 - Primeiro Encontro da Vanguarda Brasileira: “Do Corpo à Terra” - Belo Horizonte.
1970 - IV Exposição Jovem Arte Contemporânea - Museu de Arte Contemporânea - São Paulo.

Prêmios:
UFMG, no III Salão do Artista Plástico Mineiro - Belo Horizonte.
Aquisição, no III, V e VI Salão de Arte Contemporânea - Belo Horizonte.
Aquisição, no I, II e III Salão Global de Inverno - Belo Horizonte.
Pintura, no III Salão de Arte Jovem – Santos.
Estimulo, no IV Salão do Artista Jovem – Campinas.
Aquisição, no XXX Salão de Arte do Paraná – Curitiba.
Aquisição, na II Exposição de Artes Visuais do Estado do Rio de Janeiro – Niterói.
Aquisição, no IV Salão Nacional de Arte Universitária - Belo Horizonte.
Iº Premio, Bolsa de Estudos em Paris, no V Salão de Arte Universitária - Belo Horizonte – 1974.
Aquisição, no I e II Salão Paulista de Artes Plásticas e Visuais - São Paulo.
Gustavo Capanema, melhor conjunto de obras no IV Salão Nacional de Artes Plásticas do MEC Rio de Janeiro.
J.J. Engenheiros, no III Salão de Arte do Conselho Estadual de Cultura de Minas Gerais - Juiz de Fora.
Wembley S. A, no XII Salão Nacional de Arte - Belo Horizonte.
De desenho, no V Salão Carioca de Arte - Rio de Janeiro.
Aquisição, no XIV Salão Nacional de Arte - Belo Horizonte.
Iº Premio de pintura, no VIII Salão Nacional de Arte – Fortaleza.
Victor Meirelles, no V Salão Nacional de Artes Plásticas do MEC - Rio de Janeiro.
Aquisição, no III Salão Paulista de Arte Contemporânea - São Paulo.
Premio de viagem ao exterior, no VIII Salão Nacional de Artes Plásticas do MINC/FUNARTE, Rio de Janeiro – 1986.



Fonte: Assessoria de Imprensa
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

TOP 10

Estudando para concurso? Compre sua apostila aqui!